Tudo o que precisa saber sobre carvão de narguile. Tudo por uma sessão melhor!​

Você já se perguntou o que é o carvão de narguile?

ou então, por que usamos carvão de coco?

Ou, ainda, percebeu que estava sem fogareiro, e pensou: e agora?

Então acompanhe este post porque responderemos a essas perguntas e outras curiosidades sobre carvões de narguile e como acendê-los. Falaremos algumas dicas e o que também não recomendamos.

Tudo com intuito de fazermos sessões melhores!

Vale dizer aqui que temos carvões cúbicos, hexagonais, os flat (formato de paralelepípedo). Assim como existem fogareiros a gás e elétricos. Veremos a seguir as diferenças de cada tipo de carvão de narguile e fogareiro.

Para ficar mais fácil, juntamos as dicas do que não fazer por tópicos:

Tipos de carvão de narguile: matéria-prima e formatos

Existem alguns tipos básicos de carvões, os principais são:

  • Carvão vegetal com pólvora
  • Carvão vegetal sem pólvora, também chamados de naturais
  • Carvão feito de Caroços (de azeitona, pêssego, etc.) – estes são bem difíceis de se encontrar no Brasil.
  • Carvão de prata

Carvão com Pólvora
O carvão com pólvora é o bem comum de se encontrar no mercado, tem um baixo custo e a facilidade de se acender. Afinal, este tipo de carvão pode ser aceso com um isqueiro comum, ou seja, em poucos minutos o carvão já está aceso e você já está fumando com seus amigos. O nome pólvora não é exatamente correto, pois o que é adicionado ao carvão é um nitrato que é altamente combustível. Na verdade, a maioria dos carvões vegetais são feitos de madeira carbonizada, veja aqui como é produzido. Esse tipo inclui alguns carvões para churrasco também. No caso do narguile, é acrescentado a pólvora (nitrato) para acelerar o acendimento.

Atenção: Muitos carvões com pólvora, devido a má distribuição da pólvora, causam pequenas faíscas quando estão acendendo. Tome cuidado com os olhos principalmente.

Carvão sem pólvora:  Carvão de Coco (fibra de coco)

Os carvões de coco são considerados a melhor opção para fumar o narguile, primeiro porque são ecológicos, pois são feitos de um reaproveitamento de cocos, além disso os carvões de coco produzem mais calor, não deixam gosto no fumo e não exalam cheiro. A duração média destes carvões é de 1 hora e não deixam muitas cinzas. A única desvantagem é a demora para acender. Utilizando um isqueiro maçarico, você levará cerca de 5-10 minutos para acendê-lo.

Carvão de prata

O carvão de prata vem sumindo do mercado, por este ter chumbo em sua composição.
O carvão tem duração média (aproximadamente 45 à 60 mim) e deixa pouco gosto e cheiro.

Formatos dos carvões para narguile

Existem alguns formatos no mercado atualmente, os principais são:

  • Hexagonal
  • Cúbico
  • Flat
  • Cilíndrico

Os carvões mais comuns hoje em dia são os hexagonais e cúbicos. Os carvões flat, como os de prata, já são mais difíceis de ver a galera utilizando. Assim como os cilíndricos também, inclusive os de pólvora por deixar um gosto horrível na sessão de narguile e serem mais prejudiciais à saúde.

Existe uma curiosidade nos carvões hexagonais que são quase que exclusivos do mercado brasileiro. Algo como 99% dos carvões hexagonais comercializados são vendidos aqui no nosso Brasilzão! Enquanto que europa e EUA praticamente só se usa os carvões de coco cúbicos.

Inclusive algumas marcas gringas de carvão chegam aqui e tem de criar seu produto em formato hexagonal para ter aceitação da galera.

Nós, brazucas, nos adaptamos ao formato hexagonal por vários motivos, inclusive de aceitação do público, mas podemos ressaltar que ele acende mais rápido que um carvão de coco cúbico e tem uma maior área de contato com a cerâmica, no entanto demanda um controle de calor maior na sessão, veja mais sobre controle de calor. 

Entretanto, os hexagonais tem uma desvantagem clara quando falamos de controladores de calor. Os carvões cúbicos cabem tranquilamente em um controlador, enquanto que com os hexagonais temos de brincar de tetris com eles para utilizar um controlador.

Dicas de fogareiro: como acender seu carvão de narguile

Antes de tudo é bom lembrar, o carvão só deve ser usado no narguile depois de estar totalmente aceso! Não se apresse e deixe alguma parte apagada!
Existem diferentes maneiras de acender o carvão, o ideal seria um fogareiro elétrico, porém não é sempre que temos um desses a disposição.

Fogareiro elétrico: é a melhor maneira de se acender o carvão, principalmente os portáteis que acabam distribuindo melhor o calor, e pode ser levado para qualquer lugar. Utilize o fogareiro de resistência elétrico convencional ou o blindado, ou ainda o fogareiro a gás, o que for mais conveniente.

Fogão a gás: é a maneira mais usada de acender o carvão, só que acaba fazendo muita sujeira e na maioria das vezes o carvão não é bem posicionado, fazendo com que não seja aceso da maneira correta e por inteiro, demorando mais.

Maçarico:  são rápidos e práticos, podendo ser levados para qualquer lugar facilmente. Maçaricos bons acendem rapidamente o carvão e por inteiro. Mas não poupem na hora de comprar um maçarico, pois podem não acender o carvão muito bem e podem quebram facilmente.  Lembre o barato as vezes sai caro.

Dicas para uma sessão de narguile melhor?

Em questão de limpeza de narguile, o carvão pode gerar muita sujeira. Portanto, sempre limpe com cuidado seu set up. Nós fizemos um post sobre uma limpeza bem feita, leia mais aqui.

A primeira opção, sempre, para acender seus carvões deve ser o fogareiro. De jeito nenhum acenda seus carvões no micro ondas, veja o por quê!

Caso não tenha um fogareiro, um outra opção é usar um fogão de cozinha. Mas se prepare para a sujeira!

Caso não tenha acesso a um fogão ou fogareiro, recomendamos ter um fogareiro a gás sempre ali para essas situações.

Mas as vezes na praia ou em um sítio, não temos tudo isso em mãos ne. Então, COMO ÚLTIMA OPÇÃO E MUITO CUIDADO, podemos improvisar um fogareiro, algo como um acendedor da panela de fondue, como feito aqui. Utilizando uma latinha de alumínio cortada, coloque um pedaço de pano ou papel no fundo e encharque de álcool ou óleo. Faça uma base furada/vazada para os carvões de narguile, coloque a latinha embaixo, acenda-a, coloque os carvões em cima da base e aguarde acender por completo. Agora é só fumar!

Outra coisa, o narguile foi feito para ser aquecido por carvões, não vá me tentar aquecer o rosh com o fogareiro de cabeça para baixo, ou, pior ainda, com um ferro de passar roupa. Cada um no seu quadrado e tudo vai dar certo!

Esperamos que este post seja útil e que aproveite para melhores sessões! Caso queira saber mais sobre o mundo do narguile, acompanhe nossos posts semanais!

Agora se quer saber como abastecer suas sessões de narguile sem sair de casa, clique aqui.

Comentários
Produtos

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat DÚVIDAS? NOS ENVIE UMA MENSAGEM