Narguile e vape: vantagens, diferenças e opiniões.

Muitos narguileiros já caíram na questão: “Será que vale a pena comprar um vape?” ou até mesmo “Será que fumar vape é a mesma coisa que narguilé?”. No post de hoje, vamos falar um pouco sobre ambos, com algumas observações importantes sobre o uso de cada um.

Em muitos aspectos, o narguile e o vape são similares. Por isso, levaremos em conta as diferenças em questões como manutenção e componentes, danos à saúde, variedades de mercado, entre outros.

Sabemos que é polêmico e que é totalmente pessoal escolher entre um ou outro. Mas quanto mais informação melhor ne

Inclusive, discutiremos alguns possíveis mitos como uma sessão de narguile equivale a 100 cigarros ou que os vapes – também conhecidos como vaporizadores, vapes, e-cigs, e-cigarretes, cigarros eletrônicos, etc. – acabam estimulando jovens e outras pessoas a entrarem nesse mundo de fumígenos; ou até mesmo sobre os vapes explidirem como alguns celulares fizeram por ai.

Para ficar mais fácil, juntamos as dicas do que não fazer por tópicos:

Os mercados de narguile e de vape

Atualmente, existem dezenas de modelos de Vapes como vape luxe, tarot baby, vape pen 22 smok, este último, muito utilizado como vape inicial para quem está começanco. De uma olhada nos em alguns que se destacaram em 2018.

Existe um grande aumento na procura por vapes, uma pesquisa realizada pela Euromonitor internacional mostra a evolução de adultos utilizando produtos como vaporizadores:

Por outro lado, o narguile também teve um aumento considerável nas buscas e compras. Tendo como diferenças de estar a mais tempo nas intenções das pessoas e ter inúmeras variedades como o narguile anubis, o narguile umbrella, o narguile zeus, entre outros. Ainda mais aqui no Brasil, onde muitas das inovações mais recentes foram feitas.​ Por esses motivos, está uma pouco mais consolidado quando pensamos no Brasil.

Isso pode ser visto quando analisamos as tendências de pesquisa nos últimos cinco anos do google sobre a palavra narguile, a qual se manteve com um alto valor de busca:

Componentes e manutenção de narguile e de vape

É um produto que exige uma manutenção constante, por depender de uma resistência. Os componentes necessários para que o Vape funcione de maneira correta são três:

  • Bateria (MOD);
  • Atomizador (câmara de vaporização);
    • Bocal
    • Tanque
    • Coil
    • Base do tanque
  • Juice (liquido que será vaporizado quando aquecido).

Ficando atento às peças constantemente para evitar possíveis problemas. A montagem inicial do vape é muito importante para não queimar sua coil e não ficar vazando juice, sujando absolutamente tudo.

Se ocorrer um vazamento, você deve desmontar o atomizador inteiro, limpá-lo bem e remontá-lo. Caso continue vazando, troque as borrachas de vedação. A coil do atomizador deve ser limpa sempre para que um juice não deixe gosto e contamine o próximo. Veja este video com mais dicas de manutenção.

Quanto ao narguile, basicamente, o funcionamento é assim:

  • O rosh, que fica no topo do narguilé, recebe as essências e é isolado pelo papel alumínio para receber os carvões acesos.
  • Após pré aquecimento, pode-se aspirar a mangueira, o ar que passa pela essência já aquecida e a fumaça produzida por ela desce pelo corpo.
  • A fumaça entra na base de vidro pelo tubo na base do corpo.
  • Após entrar em contato com a água e o ar da base, a fumaça fica mais fria e diluída.
  • Dali, a fumaça segue pela mangueira até chegar aos pulmões.

A manutenção do narguile, basicamente se resume em cuidados para limpeza  e evitar quebras, veja mais sobre esse assunto no nosso post Dicas para limpar seu narguile.

Narguile e vape x saúde

Ainda existem poucos estudos médicos sobre o impacto causado pelo uso de narguiles e de vaporizadores, especialmente porque esse tipo de dispositivo é bastante recente e ainda não foi possível analisar os efeitos a longo prazo. Porém, um estudo realizado pelo departamento de Saúde Pública da Inglaterra, em agosto de 2015, chegou à conclusão de que cigarros eletrônicos são 95% menos danosos que o consumo de tabaco.

Essa pesquisa também mostrou que a prática da vaporização pode ajudar na luta contra o tabagismo entre fumantes e que não há evidências de que os vapes estariam agindo como rota de entrada à prática de fumar entre crianças e não fumantes. O estudo foi conduzido pelos professores Ann McNeill, da King’s College of London, e Peter Hajek, da Queen Mary University of London. Veja oO que o sr. Drauzio Varella diz sobre esse assunto.

Quanto ao narguile, também existe uma divergência grande quando aos malefícios causados. Sabemos que pode fazer mal, a dificuldade está em quanto ele pode fazer mal, exsitem diversas informações espalhadas por ai, chegando até a se contradizerem. O Dr Kamal Chaouachi, pesquisador especialista em tabaco, relata aessas contradições em uma entrevista (leia a entrevista aqui), dizendo que um cigarro é completamente consumido e uma sessão de narguilé tem seu consumo altamente variável e quase sempre é dividido entre algumas pessoas. Ou seja, é como se comparássemos bananas com paçocas.

Contudo, sabendo de tudo isso, nem o narguile, nem o vape, é um cigarro ne.  Alias nós fizemos um post comparando o narguile com o cigarro, comparando uma tragada de cada e vendo o que ocorreu, de uma olhada lá: naguile x cigarro quem faz mais mal?

Conclusão Narguile x Vape

Claro que é apenas uma questão de gosto, mas existem grandes diferenças entre os dois.

Faciilidade de carregar

O vape é muito mais portátil, só colocar no bolso e lembrar de levar os juices.

Manutenção

Em termos de manutenção, o narguile é tem vantagens, pois se resume apenas na limpeza ou troca de borrachas de vedação. Quando nenhum peça quebra, isso porque não recomendamos remendar as peças quebradas, veja o porquê aqui

Essências

Enquanto no narguile se usa o tabaco puro aromatizado como essência, no vape é um líquido, o juice, que vai produzir vapor, além da nicotina ser de origem sintética nesse caso. O processo de queima também é distinto: no narguile é utilizado o calor do carvão, já no vape são set-ups eletrônicos com uma bateria ligada a uma resistência, os mod, que suporta altas temperaturas e faz o juice virar vapor instantaneamente.

Diferenças no ritual de uso

Aqui acreditamos estar a maior diferença. Para nós, o ritual completo do narguile é sagrado, montar um rosh, acender os carvões, fazer o pré aquecimento, dar aquela fumada e, por fim, talvez o mais massa, é falar com seu amigo: “ passa a mangueira!!”. Brincadeiras a parte, o ritual do narguile agrada mais por ser um ritual de confraternização e união dos amigos.

Na nossa opinião, o vape também é muito interessante, mas perde um pouco nessa questão de união e confraternização por ser algo mais pessoal.

Caso você, como nós, goste muito de narguile, de uma olhada nesse post aqui e saiba como abastecer suas sessões sem sair de casa.

Comentários
Produtos

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat DÚVIDAS? NOS ENVIE UMA MENSAGEM