Limpando o setup.....PORQUE???

Olá,

Essa semana vamos falar sobre os motivos de limpar e conservar bem seu narguile. MEIO ÓBVIO, NÃO?????

Mas nem sempre é assim, quer ver?

Quem nunca fumou um narguile que, independente do rosh, o sabor das essências parece sempre o mesmo?

Ou então quando pegamos aquele rosh, que nem é mais tão fundo porque metade dele já virou crosta de essência?

Ou ainda o vaso, que de tanto tempo que ficou água parada já criou até dengue?

Viu?? Sempre nos encontramos em situações assim. Porém, podemos evitá-las tranquilamente!!!!

Pois bem, vamos lá. Primeiramente o porquê da questão. Tudo bem que as perguntas a cima já respondem né, mas através da limpeza e conservação, aumentamos a durabilidade dos narguiles e acessórios, tanto esteticamente quanto funcionalmente. Caso queira outras curiosidades sobre narguiles, clique aqui.

Então separamos alguns cuidados gerais para tomarmos:

  • Após o uso, fazer uma lavagem superficial em todos os itens do narguile e secá-los;
  • Evitar choque térmico em peças de Cerâmica, Barro e Vidro, ou seja, não ponha direto na água se estiver quente demais, espere alguns minutos;
  • Carregar o narguile, de preferência em uma bolsa apropriada para tal, ou outro recipiente que tenha repartições e proteções para que as peças não se quebrem ao se encostarem.

Sabemos que limpeza é um termo relativo, cada um tem o seu nível de limpeza aceitável e por isso recomendamos que a faça na frequência que for mais interessante para você, de acordo com a quantidade de sessões feitas.

Agora para ter uma sessão como se estivesse no país das maravilhas, tipo a lagarta azul, aqui vão mais dicas:

Limpando o vaso:

Existem alguns acessórios para fazer a limpeza do vaso como as escovas de limpeza (veja aqui outras opções).

O mais recomendado é fazer uma limpeza com uma mistura de água com candida. Apenas encha o vaso com a mistura e deixe por algumas horas. Então chacoalhe bem o vaso e jogue o conteúdo dele fora.

Se o vaso estiver muito sujo, uma alternativa é utilizar arroz ou olha de aço. Isso mesmo, basta acrescentar à mistura de água com candida, um pouco de arroz ou palha de aço no vaso. Chacoalhe o vaso de uma forma em que o arroz/palha de aço passe por toda parte interna. Esse procedimento é muito bom pois é possível limpar as bordas do vaso que com outros tipos de acessórios não alcançamos.

Também é possível fazer a limpeza com uma buchinha, basta colocar ela dentro do vaso e com a ajuda de uma faca, ou algum outro objeto que consiga manusear a bucha dentro do vaso.

Na parte externa também deve-se fazer a limpeza, porém apenas lavar com água e secar com pano é suficiente. Muito importante ao secar, não passar o pano nos detalhes do vaso para conservar os desenhos do vaso.

Lembramos  que o vaso normalmente é de vidro e, portanto, frágil. Cuidado ao manuseá-lo. Existem alguns acessórios para fazer a proteção do seu vaso, como base protetora e tapetes, que não só protege, mas também dão um UP para seu setup.

Limpando o corpo do narguile:

Lave o corpo com água na parte externa, e na parte interna usar uma escova de limpeza com água e detergente neutro,

  • Se o corpo for de madeira, tentar atravessar um pano úmido, quase seco, para limpa-lo.
  • Se for de Latão ou alumínio (anodisado ou não), efetuar o polimento na parte externa com o produto de preferência, usando uma estopa (com o corpo seco em).
Lembramos que se o seu narguile for desmontável ou desrosqueável, separar todas as partes móveis e limpá-las bem, principalmente nas regiões que se juntam.

    Limpando o prato:

    A lavagem e conservação do prato é feita de forma simples, basta jogar água e detergente neutro. Para pratos com detalhes em relevo, deve-se passar levemente uma escova de dente nas bordas, para que não acumule sujeira. Lembre-se de tomar cuidado ao passar a escova de dente para que não tirar a tinta do prato. Após a limpeza deve-se secar bem a peça antes de guardá-la.

    Limpando a mangueira:

    Atualmente usamos muito as mangueiras laváveis, que são os conduítes, refis de silicone liso, ou também o silicone espiral. Nesse caso, deve-se higienizar tanto a mangueira quanto a piteira com água interna e externamente. Enxague-as bem de modo que a água percorra percorra toda a parte interna do produto. Seque-as bem, tomando cuidado com os detalhes da piteira. Faça esse procedimento como neste passo a passo

    Limpando rosh e controlador de calor:

    Dentre as peças do narguile, essas atingem uma alta temperatura e se deve ter o cuidado de não de lavá-los logo após fumar. NÃO é recomendado molhar a peça em alta temperatura, em nenhum tipo de rosh ou controlador, independente do material é sempre bom esperar esfriar antes de qualquer higienização. São eles que estão em contato com as essências e essas acabam ficando incrustadas nos rosh e controladores. Aliás se quiser saber mais sobre os tabacos nas essências, clique aqui.

    Voltando, existem vários métodos para fazer a limpeza, separamos alguns de acordo com o “grau de sujeira” hehe:

    • Levemente sujo: Enxague com água em temperatura ambiente e use uma bucha de cozinha (aquelas verde e amarela, sabe?). Limpe a parte de dentro com o lado verde da bucha e o lado de fora do rosh com a parte amarela.
    • Com crosta de essência: Deixe as peças com incrustações de molho em água bem quente ou em água sanitária (neste caso, limpe bem para não deixar gosto nas sessões). Ao amolecer os restos de essência grudado, tire-os com alguma faca ou objeto que tenha em mãos. Cuidado para não estragar a pintura!!! Termine a limpeza com a parte amarela de uma bucha de cozinha.

    Muito importante que, ao secar ou passar a bucha, evitar contato com detalhes do Rosh, como listras, impressões de logos, detalhe em alto relevo. Também ao passar estilete ou faca, que não force para não danificar o esmalte do rosh.

    Agora que está tudo limpinho, simbora fumar um arguile de qualidade. Boa sessão a todos! Caso queira mais informações, segue um vídeo sobre o assunto:

    Comentários

    Temos 3 tipos de box:

    • Econômico: Esse box é ideal para aproveitar as sessões sem exageros e degustar as novidades do mercado.
    • Premium: Esse box é ideal para quem gosta de aproveitar as melhores essências premiums disponíveis no mercado.
    • Personalizado: Perfeito para você que deseja experimentar as novidades do mercado e que quer apreciar tanto essências premiums quanto normais.

    Você pode escolher a quantidade de essência normal ou premium, se deseja alumínio ou cerveja artesanal, como no exemplo do gif a seguir:


    0 comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    WhatsApp chat DÚVIDAS? NOS ENVIE UMA MENSAGEM